Concurso TJ-RJ será retomado até 1 de outubro

Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro informa que edital de retomada da seleção para técnico e analista será divulgado na próxima sexta-feira, 1 de outubro. Veja o novo cronograma completo! 

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro confirmou que o edital de retomada do seu concurso público será divulgado nesta sexta-feira, 1º de outubro. Nessa data, os candidatos que pretendem disputar as vagas de técnico e analista judiciário terão acesso ao novo calendário da seleção. Veja abaixo:

  • Edital de Retomada - 1º de outubro;
  • Prazo para inscrições (reabertura) – de 4 a 13 de outubro;
  • Provas objetivas e discursivas - 5 de dezembro;
  • Publicação dos resultados – em abril de 2022.

Na última quarta-feira (22 de setembro), a assessoria de imprensa do TJ-RJ havia antecipado à equipe de reportagem da DEGRAU CULTURAL, que as provas objetivas poderiam ser marcadas para novembro, com as nomeações acontecendo no primeiro semestre do próximo ano.

Com a informação divulgada pelo Jornal O Globo se concretizando, o concurso para técnicos e analistas será retomado depois de um ano e seis meses de suspensão devido à pandemia da Covid-19.

TJ-RJ abrirá 132 vagas + Cadastro de Reserva

O presidente do TJ-RJ, desembargador Henrique Figueira, havia autorizado mudanças contratuais com o Cebraspe, banca organizadora da seleção, sendo que entre essas mudanças está o número total de vagas que será ofertado. Se antes, o tribunal iria contratar 160 servidores, ao retomar o concurso, serão disponibilizadas 132 oportunidades para preenchimento imediato, além de formação de cadastro de reserva.

Essa medida, segundo a Assessoria de Imprensa do TJ-RJ, se deu em função de uma decisão estratégica da Diretoria-Geral de Gestão de Pessoas do tribunal (DGPES), perante o reconhecimento da necessidade de prover cargos com atribuições técnicas específicas, pois segundo o setor, a pandemia do Coronavírus modificou o perfil dos trabalhos do Poder Judiciário, sendo necessário, então, reforçar os quadros relacionados à área de tecnologia.

Sob essa justificativa, o Concurso TJ-RJ traz o novo quantitativo de vagas:

Cargos Vagas previstas no edital de fevereiro de 2020 Alteração sugerida pelo tribunal após a pandemia
Técnico judiciário (nível médio)
Técnico de atividade judiciária 85 10
Analista judiciário (nível superior)
Analista judiciário sem especialidade 31 10
Analista judiciário - execução de mandados (Oficial de Justiça) 10 5
Analista judiciário - psicólogo 5 10
Analista judiciário - assistente social 5 10
Analista judiciário - comissário da Infância 5 5
Analista judiciário - médico 6 6
Analista judiciário - contador 2 5
Analista judiciário - médico psiquiatra  1 1
Analista judiciário - analista de gestão de TIC 1 5
Analista judiciário - analista de infra. de TIC 2 17
Analista judiciário -analista de Negócios 2 15
Analista judiciário - analista de projetos 1 4
Analista judiciário - analista de Segurança de Informação 2 12
Analista judiciário - analista de Sistema 2 17
TOTAL DE VAGAS 160 132

Mesmo com a redução drástica de 85 para 10 vagas, o cargo de técnico judiciário, historicamente, costuma convocar muitos aprovados pelo cadastro de reserva. No concurso de 2014, por exemplo, o TJ-RJ ofereceu 208 vagas (90 de técnico e 118 de analista), mas convocou 1.047 vagas, sendo 732 técnicos judiciários e 315 analistas, o que resultou em quantitativo de oito vezes maior do que o número de vagas especificado em edital. Ou seja, uma esperança em meio a essa diminuição no número de vagas imediatas.

Mais candidatos poderão se inscrever!

Quem já se inscreveu no Concurso TJ-RJ não precisa se inscrever novamente, nem mesmo pagar novamente a taxa de inscrição. O prazo que será aberto no dia 4 de outubro é voltado para os candidatos que se interessaram por esse certame durante esse período de suspensão. Para eles, a taxa de inscrição se mantém nos mesmos valores do primeiro período de inscrições:

  • R$80 para técnico;
  • R$100 para analista.

Estrutura das provas seguem inalterada

Apesar das atualizações no Concurso TJ-RJ, a estrutura das provas segue a mesma. Os candidatos a técnico judiciário terão de responder a 60 questões em disciplinas de Conhecimentos Básicos e Específicos:

  • Conhecimentos Básicos: Língua Portuguesa, Ética no Serviço Público, Noções dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Legislação Especial;
  • Conhecimentos Específicos: Direito Administrativo, Direito Constitucional, Direito Processual Civil e Direito Processual Penal.

Os candidatos a analista terão de responder as mesmas questões de Conhecimentos Básicos do cargo técnico, porém, as disciplinas da parte específica variam conforme a especialidade. Além disso, os concorrentes para essa carreira serão submetidos a uma prova discursiva.

Os candidatos que conseguirem a aprovação no cargo técnico judiciário receberão vencimento inicial no valor de R$5.750,06. Os aprovados em analista judiciário receberão R$8.253,89, exceto para a especialidade de execução de mandados (oficial de justiça), cujo ganho será de R$10.106,05.

Dentro desses valores, está incluso R$1.440 de auxílio-alimentação e R$440 de auxílio locomoção (R$20 por dia útil, considerando 22 dias úteis). No caso do oficial de justiça, há ainda uma gratificação de locomoção (R$1.912,16) para o cumprimento dos mandados. A contratação dos futuros servidores do TJ-RJ será através do regime estatutário, que garante estabilidade financeira.

 

Fale agora com um consultor!

 

Publicado: 26 de September de 2021