Concurso São Gonçalo-RJ com 251 vagas está temporariamente suspenso

Segundo edital, com 251 vagas em São Gonçalo está com o andamento suspenso em função da pandemia de Covid-19. Provas estavam marcadas para o próximo domingo, 20 de setembro.

Foi publicado no Diário Oficial do Município de São Gonçalo da última segunda-feira, 14 de setembro, a suspensão do segundo edital publicado na cidade que trazia 251 vagas para cargos de nível médio, médio/técnico e superior. O motivo: a pandemia da Covid-19 que está presente no Estado do Rio de Janeiro há exatos seis meses.

Por esse mesmo motivo, a aplicação das provas já havia sido adiada anteriormente. Elas aconteceriam no próximo domingo, dia 20, e até o momento não foi informada uma nova data dos exames. Também em função da pandemia, as inscrições para esse certame foram prorrogadas até o dia 07 de setembro. De acordo com o que foi informado no diário, o concurso deve ser retomado assim que houver uma enorme diminuição dos casos de infecção do novo Coronavírus.

Apesar da suspensão desse concurso, os candidatos continuam com os cadastros válidos e devem se manter se preparando para as provas, mesmo sem ter uma data de referência.

Cargos presentes no segundo edital

Nível Médio Completo: vagas para técnico de apoio especializado e técnico de apoio especializado em trânsito. As remunerações para os dois cargos podem chegar a R$2.435,05, incluindo benefícios.

Nível Médio/técnico: vagas para técnico em segurança do trabalho, com ganhos que podem chegar a R$3.652,58 com as gratificações.

Nível superior: vagas para o cargo de analista (de contabilidade, de engenharia de segurança do trabalho, de engenharia de tráfego e de transporte, planejamento e orçamento e analista processual), e médico do trabalho. Os ganhos chegam a R$5.113,61.

Das 251 vagas abertas, 31 serão para ocupação imediata e as outras 220 vagas serão preenchidas no cadastro de reserva.

Como será a avaliação dos candidatos?

Com a divulgação dessa suspensão, os inscritos ganham mais tempo para adquirir um melhor preparo intelectual para se saírem bem nas provas objetivas e discursivas, que serão aplicadas da seguinte forma:

Provas Objetivas – 50 questões:

  • 15 questões de Língua Portuguesa;
  • 05 de Raciocínio Lógico;
  • 05 de Noções de Informática;
  • 05 de Legislação;
  • 20 de Conhecimentos Específicos.

Cada uma das questões nas disciplinas de Conhecimentos Básicos e Gerais vale um ponto, enquanto que os acertos na prova de Conhecimentos Específicos valem dois pontos. A meta é atingir 50% dos pontos totais e não zerar em nenhuma das disciplinas. E ainda que o candidato se classifique até o limite de cinco vezes o número de vagas ofertadas para que possa ter a prova discursiva avaliada.

Nessa etapa, os concorrentes a cargos de nível médio e médio/técnico deverão produzir uma redação, enquanto que os concorrentes com graduação será preciso produzir um estudo de caso. Será habilitado o candidato que atingir nota igual ou superior que 50% dos pontos na avaliação.

Ao ser homologado, será aberto o período de validade do concurso por dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos.

Além desse concurso com 251 vagas, o município abriu um concurso com 160 vagas para a Guarda Municipal, cargo de nível médio, que também teve as provas objetivas adiadas no mês passado em função da pandemia. O mesmo aconteceu com o concurso de 2.213 mil vagas para cargos da área de Educação de São Gonçalo em todos os níveis de escolaridade, que teve de adiar as provas anteriormente marcadas para o dia 30 de agosto, respeitando as medidas que impeçam a circulação das pessoas em tempos de contaminação viral.  

Fale agora com um consultor!

Publicado: 15 de September de 2020