Concurso Pmerj: projeto de lei prevê convocação de aprovados em 2014

Devem ser chamados 181 remanescentes do último concurso. Aprovação dessas convocações é favorável para realização de um novo concurso.

Está no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro da última quinta-feira, 04 de junho, o Projeto de Lei 2.721/2020 que foi protocolado pelo deputado estadual Rodrigo Amorim (PSL) para realizar a convocação de 181 aprovados no concurso para soldados da Polícia Militar do Estado, ocorrido em 2014. Essa convocação pretende celebrar o Termo de Ajustamento de Conduta que prevê algumas correções desse processo, como delimitar a idade máxima para 35 anos.

Fora isso, a PL também prevê a anulação de três questões da prova de História, em que foi apontado por professores e diversos concorrentes uma cobrança muito elevada nessas provas, ou seja, em questões para cargos de nível médio foram aplicadas questões com conhecimentos avançados demais para o nível de escolaridade em questão. Esse concurso foi organizado pela banca Exatus que, segundo o deputado Rodrigo Amorim, já esteve envolvida em irregularidades em outros concursos realizados em Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Goiás.

Esse Projeto de Lei está em tramitação na Alerj e terá de passar pela Comissão de Constituição e Justiça, pela Comissão de Servidores Públicos, Comissão de Segurança e Assuntos de Polícia e pela Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização Financeira e Controle.

Outros projetos de lei pedem convocação

A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro aguarda ainda a aprovação de outros projetos de lei de autoria dos deputados estaduais Rodrigo Amorim e Bruno Dauaire que estão em análise na Câmara legislativa para poder realizar novas convocações. Outro parlamentar, Anderson Moraes, solicitou ao governo estadual que fossem convocados 25 aprovados no último concurso para soldados.

O deputado Bruno Dauaire, que é presidente da Comissão de Servidores Público, informou que 400 remanescentes devam ser convocados entre julho e agosto, de acordo com estimativas repassadas pelo secretário de Polícia Militar, coronel Rogério Figueiredo.

Novo Concurso depende dessas convocações

Para que o concurso 2020 de soldados da Polícia Militar entre em vigor é necessário que todos os aprovados do concurso de 2014 assumam os postos de trabalho. Em um dos primeiros atos governamentais deste ano, Wilson Witzel declarou que pretende abrir 2 mil vagas para esse cargo, destinado a pessoas com ensino médio completo, que possuam Carteira Nacional de Habilitação na categoria B ou superior, que estejam com idade entre 18 a 35 anos e altura mínima de 1,60m para mulheres e 1,65m para homens.

Os novos soldados que irão recompor a corporação receberão, durante o curso de formação, salário de R$2.213,62. Esse valor subirá para R$3.452,55, após a formatura.

Publicado: 05 de June de 2020