Concurso PF: diretor-geral confirmou edital ainda este ano

Segundo o diretor-geral da Polícia Federal, Rolando Alexandre, a PF deverá ter o edital do novo concurso publicado ainda em 2020. Confira!

Ótima notícia para os concurseiros que sonham em entrar na Polícia Federal. O diretor-geral da corporação, Rolando Alexandre de Souza, confirmou que será publicado um novo edital de concurso PF ainda este ano. A informação foi passada pelo chefe da corporação durante uma live no YouTube, realizada junto à Associação dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), na noite da última quinta-feira (6).

Segundo o diretor-geral, se der tudo certo, ainda este ano divulgaremos o edital do novo concurso. “E se tudo der certo, com o curso de formação iniciado no final do ano que vem (já que nosso concurso é longo; um ano em razão das etapas). Mas entraríamos em 2022 com o maior efetivo da história da Polícia Federal", disse Rolando Alexandre de Souza.

O presidente da ADPF, Edvandir Paiva, comentou com Rolando durante a live, que todos os diretores da PF sempre tiveram a preocupação de recompor o efetivo da Polícia Federal. O representante da ADPF comentou sobre as entradas dos 500 aprovados do último concurso, mas destaca que mesmo  assim, ainda há mais de 3 mil cargos vagos. A partir desse momento, o chefe da corporação destacou a intenção de realizar concursos periódicos.

Rolando Alexandre falou sobre a intenção de realizar concursos para a PF a cada dois anos, tendo em vista que a duração é extensa em função das etapas de seleção. “Tivemos conversas com o Ministério da Justiça e Segurança Pública para tentar realizar concursos a cada dois anos. Teríamos concursos menores, mas permitindo uma oxigenação continua no efetivo da PF.", disse o diretor.

Segundo ele, isso é uma constância de todos os órgãos, a questão do efetivo, repor o quadro de pessoal. Ele destaca que o pedido de 2 mil vagas já foi confirmado pelo presidente da República Jair Bolsonaro e que isso fará com que a PF chegue a um número significativo de policiais.

"Nós vamos atingir o maior quantitativo histórico da Polícia Federal, em razão desses que estão entrando agora (500 que já entraram mais os 500 agora da ultima turma) com mais esses dois mil, nós vamos atingir um quantitativo histórico. Não posso entrar muito em números aqui porque é um dado que a gente mantém sigiloso, mas posso garantir que vai ser disparadamente o maior efetivo da Polícia Federal da história dela. Claro que mesmo com esses dois mil entrando nós ficaríamos ainda com poucos cargos vagos."

Confira a live completa no YouTube

Distribuição das 2000 vagas pela área policial da PF

De acordo com o presidente da Federação Nacional dos Policia Federais, Luis Boudens, a primeira visão da PF quanto as duas mil vagas foi a seguinte:

- 1.016 vagas para agente;

- 600 vagas para escrivão;

- 300 vagas para delegado; e

- 84 vagas para papiloscopista.

Requisito e remuneração

Os cargos da área policial da PF são para candidatos que tenham nível superior de escolaridade em qualquer área (exceto para delegado, cujo requisito é graduação em Direito com experiência profissional de três anos). É encessário ainda, possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH). A remuneração para agenteescrivão e papiloscopsita é de R$12.522,50. Já os futuros delegados da Polícia Federal terão ganhos de R$23.130,48.

Último concurso PRF para a área policial

O último concurso para a área Policial aconteceu em 2018 e teve o Cebraspe como banca organizadora. Na época, foram oferecidas 500 vagas.

Os candidatos foram avaliados por meio de provas objetiva, discursiva, exame de aptidão física, prova prática de digitação, avaliação médica, avaliação psicológica, avaliação de títulos, prova oral, investigação social e curso de formação.

Suposto cronograma Concurso PF também fala em edital publicado este ano

Surgiu na tarde da última quinta-feira (06) um suposto cronograma atualizado do Concurso da Poícia Federal (concurso PF 2020), com 2 mil vagas para a área policial. Segundo informações, o novo  cronograma foi passado por uma fonte do alto escalão da própria corporação. Após as declarações do diretor-geral da PF durante a live da noite de ontem, tudo indica que a corporação pretende, de fato, seguir este cronograma. Então, confira a seguir as principais datas do cronograma que recebemos:

Assinatura do contrato com a banca - 23/11/2020

Publicação edital - 08/12/2020

Provas objetivas e discursivas - 11/04/2021

Exame de aptidão física - 12 e 13 /06/2021

Exame médico - 17 e 18/07/2021

Prova de digitação 22/08/2021

Avaliação psicológica - 26/09/2021

Procedimento de heteroidentificação - 31/10/2021

Avaliação de títulos - 22 a 26/11/2021

Resultado final - 21/12/2021

1º curso de formação - 01/2022

2º curso de formação - 07/2022

Fale agora com um consultor!

Publicado: 07 de August de 2020