Concurso INSS: veja as dicas do Prof. Henrique Sartori para Direito Previdenciário

Uma das provas mais aguardas para este ano, se não for a mais aguardada, é o Concurso INSS. A seleção é muito discutida desde o ano passado, estando entre as previstas no Orçamento Federal para este ano. A ideia é convocar um total de 7.888 novos funcionários, visando cobrir o altíssimo déficit de servidores do instituto.

Estimativas apontam que a autarquia previdenciária opere, atualmente, com carência de cerca de 16 mil funcionários em todo o país. Há necessidades em todas as áreas de atuação do INSS, desde o atendimento, passando pelo administrativo, perícia médica, jurídico, entre outras.

Nas últimas semanas, uma notícia animou bastante quem aguarda a seleção. O Ministério Público Federal publicou uma recomendação oficial para o Ministério da Economia, firmando o prazo de 30 dias úteis para que seja autorizado um novo Concurso INSS e se possa trabalhar o quanto antes no edital deste.

Com a autorização se aproximando, é provável que o concurso ocorra ainda este ano. Portanto, se você ainda não iniciou sua preparação, está mais do que na hora! Para te ajudar, consultamos nosso professor especialista em Direito Previdenciário, Henrique Sartori, para dar algumas dicas sobre a principal disciplina do concurso. Confira!

Como se preparar para Direito Previdenciário

Não foi à toa que escolhemos Direito Previdenciário como tema deste texto. O INSS trata diariamente de assuntos referentes à Previdência Social e à Seguridade, sendo assim, é natural que a disciplina seja a mais importante da seleção para Técnico do Seguro Social.

Para se ter ideia, das 120 questões do último Concurso INSS, 70 foram sobre este assunto. E quanto à cobrança do conteúdo, o professor Henrique Sartori avisa que o INSS não dará moleza:

“Todos o conteúdo programático é exigido. Em uma prova na qual o examinador dispõe de 70 questões para uma só disciplina, não tenha dúvida que ele vai exaurir o programa. Logo, o candidato deve estudar tudo com o mesmo empenho”

Para estar por dentro de toda esta quantidade de conteúdo, Sartori aconselha os estudantes a fazer o máximo de questões de concursos anteriores possível. Busque todo o material do tipo que achar, sem restrições nesta fase do estudo onde ainda não há definições sobre banca. Ele explicitou dois pontos importantes na preparação que devem ser evitados:

"1) A invenção de restrições ao estudo. Explico. Porque estou fazendo o concurso para técnico do INSS, só posso fazer questões destes concursos e da última organizadora (no caso, a CESPE)? Bobagem.

Sugiro que façam questões de todo e qualquer concurso, de toda e qualquer instituição, de todo e qualquer cargo e toda e qualquer banca. Depois que o edital for publicado e determinar a banca, o candidato passa a focar nas questões desta. Até lá faça tudo o que aparecer.

2) A utilização de livros, apostilas ou legislação ultrapassados. As leis que regem a seguridade social mudam com muita frequência. Se o aluno for adquirir algum livro ou apostila, que seja edição 2019. A legislação deve ser baixada direto da página do planalto (http://www4.planalto.gov.br/legislacao/) e constantemente atualizada."

Conheça as carreiras do Concurso INSS

Serão oferecidos três diferentes cargos dentro do quantitativo de 7.888 presente no pedido. Elas serão distribuídas em: 3.984 vagas para técnico do Seguro Social, 1.692 vagas para analistas e 2.212 para perito médico.

O destaque da seleção é o cargo de técnico do Seguro Social. A carreira responde por mais de 50% do total de vagas oferecidas e exige de seus candidatos apenas conclusão do ensino médio. Os vencimentos iniciais de um técnico são de R$5.186,79, muito acima da média do mercado e até mesmo do serviço público para cargos do tipo.

As demais carreiras são de nível superior. Os analistas devem ter diploma universitário, em qualquer habilitação, e as remunerações são de R$ 7.659,87. Os peritos, por outro lado, precisam de graduação em medicina e o salário inicial do cargo é de R$12.683,79.

 

                           Fale agora com um consultor

Publicado: 09 de May de 2019