Concurso Guarda de Nova Iguaçú-RJ: Como se preparar?

Saiba como estar pronto para as seis etapas do processo seletivo

Como já dito anteriormente, saiu na última sexta-feira a homologação da banca RBO Assessoria Pública e Projetos Municipais, que será responsável por organizar o concurso público para guarda municipal de Nova Iguaçú, cidade da baixada fluminense.

Esse concurso oferece 200 vagas, sendo 60 para serem ocupados imediatamente e os outros 140 ficarão como cadastro de reserva. Para você que está interessado em prestar esse concurso, se prepare ele será dividido em nada menos que 6 etapas:

  • Prova de conhecimentos;
  • Exame antropométrico e prova de capacidade física;
  • Exame psicotécnico;
  • Exame médico;
  • Investigação social e documental;  
  • Curso de formação (esse último será feito só para aqueles que saírem aprovados).

Se os conhecimentos de português e matemática estão meio que esquecidos em alguma gaveta do cérebro, trate de garimpá-las o quanto antes e estuda-las bem a fundo, pois são muito cobradas na prova de conhecimentos. Em português, há sempre questões de interpretação de texto, funções de sintaxe, adjuntos adverbiais, sinônimos e parônimos, entre outras. E em matemática, é comum cair dos mais simples problemas de nível fundamental à questões de nível médio como equação do 2o grau, matemática financeira ou mesmo geometria. A principal dica que aconselho é pesquisar provas e simulados de outros concursos para guarda municipal. Por sorte, podes encontrar até da mesma banca que organizará o concurso de Nova Iguaçú.

Estude também o Código Civil e a constituição federal, principalmente o artigo 5o, em que o guarda municipal deve garantir vários direitos básicos inseridos nesse artigo, como o direito de ir e vir. Afinal, se o guarda tem a função de zelar pelos bens do munícipio (escolas, hospitais, praças, monumentos públicos) e pelas pessoas que residem ou apenas atravessam pela cidade, ele deve ter conhecimento sobre as leis municipais, estaduais e federais, para saber coloca-las em prática quando estiver em ação. Geralmente, cai questões sobre o Código de Trânsito para munícipios cuja legislação informe que organizar o trânsito também é atribuição do guarda. Esse não é o caso de Nova Iguaçú.

Quem passar pela prova de Conhecimentos, o candidato fará a prova de capacidade física, que exigirá que o candidato se exercite com frequência, que faça flexões, abdominais, corrida de até 12 minutos.

O exame antropométrico é a avaliação nutricional sobre as dimensões físicas e da composição do corpo humano, sem fazer uso de exames laboratoriais. Avalia-se, assim, a progressão da altura e peso do candidato para o cargo, ou seja, calcula-se o IMC (Índice de Massa Corporal) e o Índice de Estatura para a Idade.

Já o exame psicotécnico define o comportamento padrão e a personalidade da pessoa. Um guarda municipal, antes de qualquer coisa, ele deve ser muito honesto e ter caráter. Qualquer sinal contrário a isso, pode ser diagnostica no psicotécnico e o candidato poderá ser eliminado do processo.

O exame Médico irá aferir a saúde do candidato, para selecionar aqueles que estejam suficientemente saudáveis para suportar a dura rotina de um guarda.

E por fim, tem a investigação social e documental que é feita por policiais militares em trajes civis para reunir dados sobre a conduta moral do candidato. Essas informações ficam registradas em sigilo. Essa etapa do processo é dividida em algumas sub-etapas:

  • Informações pessoais: aqui será relatado todos os dados do candidato, como RG, CPF, nome completo, e-mail, dentre outras informações pessoais.
  • Informações residenciais: é preciso colocar todos os lugares em que residiu e que reside. Caso não tenha morado com os pais ou esposa (o) durante algum período é necessário explicar o motivo.
  • Informações sócio-familiares: será necessário dar informações completas sobre pais e irmãos. Se foi criado por padrastos, tutores legais ou outras pessoas sem relação sanguínea também devem constar nas informações solicitadas.
  • Informações de cunho pessoal e familiar: o candidato responderá questões sobre tatuagens, se o próprio candidato ou alguém da família já foi examinado, tratado ou já esteve internado em razão de distúrbios nervosos, mentais ou outras doenças. Se fuma, se bebe, se já usou drogas ilícitas. Nessa etapa também será necessário colocar 4 testemunhas no formulário (não parentes ou ex-empregadores). 
  • Informações judiciais e policiais: a polícia também irá querer saber se o candidato já fez ou faz parte de algum Processo na Justiça, seja na condição de autor, indiciado, réu, testemunha ou até mesmo como vítima.
  • Informações profissionais: preencher com os lugares em que esteve empregado.
  •  Informações escolares: onde cursou e todos os detalhes dos ensinos fundamental, médio, técnico, superior e pós-graduação.
  • Informações econômicas: perguntará se o candidato possui cheques devolvidos, dívidas, valores e o motivo de estar inadimplente.
  • Informações de Trânsito: o candidato possui Carteira Nacional de Habilitação (CNH) ou Permissão Para Dirigir (PPD), já esteve envolvido em algum acidente, a CNH já foi apreendida, dentre outros pontos que são questionados.

Os candidatos que forem aprovados, obrigatoriamente, deverão participar do curso de formação. Esta última fase terá 90 dias de duração e será de responsabilidade da Secretaria de Segurança Pública de Nova Iguaçu. Depois de todo esse passo a passo, é importante se preparar muito para ter um bom desempenho nesse concurso.

 

Fale agora com um consultor

Publicado: 13 de January de 2020