Agência Nacional das Águas aguarda Concurso ANA com 93 vagas

A Agência Nacional de Águas (ANA), assim como outras agências reguladoras do país, aguarda autorização para um novo concurso público contemplando o órgão. Quem confirmou esta expectativa foi a presidente-diretora da ANA, Christiane Dias, em entrevista concedida na última segunda-feira (15).

A ANA encaminhou pedido contendo 93 vagas, para cargos de níveis médio e superior, ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), ministério ao qual a agência é vinculada. A medida foi motivada por um provável aumento da carga de trabalho que a ANA deverá receber nos próximos anos.

A Medida Provisória 844/18 prevê que a Agência Nacional das Águas passará a ser responsável pela regulação dos serviços públicos de saneamento básico ao redor do país, como abastecimento de água e esgotamento sanitário. Com isso, a ANA precisará de mais servidores, para cobrir cidades e estados brasileiros de todas as regiões.

A MP prevê ainda, em seu artigo 6º, que devem ser criados 26 novos cargos comissionados para a ANA. Mas estes não entram cálculo das 93 vagas, que serão preenchidas através de um concurso público.

"Temos a expectativa de realizar um concurso público para preencher os cargos da agência. Não estamos falando de cargos novos, mas na transformação de cargos já existentes na agência" explicou a presidente-diretora da ANA.

Pedido encaminhado ao MDR contém nove vagas para técnico administrativo

Como mencionado, a ANA enviou um pedido de 93 vagas ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). As oportunidades são direcionadas aos cargos de técnico administrativo (9 vagas), analista administrativo (37) e especialista em recursos hídricos (47).

Outro pedido da ANA chegou a ser encaminhado em 2017, com 91 vagas. O pedido, no entanto, foi rejeitado pelo extinto Ministério do Planejamento. A diferença para o pedido de hoje está na quantidade de especialistas em recursos hídricos (44, na época) e uma solicitação para especialista em geoprocessamento, que não consta atualmente.

O Concurso ANA chama bastante atenção, devido às excelentes remunerações oferecidas pela agência. Para a carreira de técnico administrativo, por exemplo, que requer apenas o nível médio, a oferta salarial é de R$7.474,67. O cargo de especialista em recursos hídricos, por sua vez, requer formação em qualquer área e a remuneração da categoria é de R$15.516,12.

Por último, mas não menos importante, figura o cargo de analista administrativo, que aceita diplomas de diversas habilitações, que ainda serão especificadas após a autorização da seleção. O salário inicial da carreira é de R$14.265,57.

 

                               Fale agora com um consultor

Publicado: 18 de July de 2019